CLOSE

História

Colectividade Centenária…

Segundo os elementos constantes dos arquivos desta centenária Colectividade, a mais antiga da cidade a nível musical, não nos é fácil poder afirmar a data exacta da sua fundação mas, segundo diversos testemunhos, de entre os quais destacamos o de Monsenhor João Gaspar, esta terá surgido no ano de 1834.
Ao longo destes 176 anos de existência ininterrupta, nem sempre foi fácil a sua sobrevivência. Esta só foi possível graças ao entusiasmo, à carolice, à abnegação de gerações de aveirenses, que tanto lutaram e se sacrificaram pelo amor a esta nobre causa que é a Música – a mais salutar de todas as artes. Só assim foi possível que a Banda Amizade – Banda Sinfónica de Aveiro, também conhecida por “Música Velha”, chegasse aos nossos dias.
Sem querer ferir susceptibilidades, poderemos mencionar ao acaso alguns vultos sagrados da Banda Amizade – Banda Sinfónica de Aveiro: João Miranda, Vasco Rocha, António Limas, Américo Amaral, Duarte Gravato, Duarte Neves, Armando Matos, e actualmente, Carlos Marques.
A estes mestres da Música toda a comunidade aveirense fica a dever, em termos de reconhecimento, o muito que ensinaram com sacrifícios sem conta, pelos valores que transmitiram a gerações de aveirenses e pela forma tão digna e gloriosa como representaram a nossa cidade àquem e além fronteiras, onde sempre obtivemos belíssimas classificações.

.

CLOSE